Área do Aluno

Treino HIIT

Treino HIIT

Uma nova modalidade de treinamento está tomando conta das academias por todo o mundo. Conhecido como HIIT (hight intensity interval training) o treinamento se baseia em exercícios de alta intensidade e curta duração com intenção de metabolizar gordura e promover a perda de peso.
O que tempos atrás poderia parecer um paradoxo, uma vez que exercícios de alta intensidade (realizados acima do limiar anaeróbio) quando analisados em relação ao substrato energético primam pelo carboidrato para fornecimento de ATP (energia). Então onde estaria a lógica de utilizar esse tipo de intensidade para metabolizar gordura e perder peso?
Para responder essa pergunta é necessário compreender que a metabolização do substrato (gordura) dependente da oferta de oxigênio, e é apenas um dos fatores que compõe o emagrecimento. Outros fatores como o aumento da taxa metabólica basal, elevada taxa de oxigênio pós esforço (EPOC) e gasto energético total da sessão de treinamento são fundamentais para redução de gordura e perda de peso corporal.
Estudos comparativos demostram que exercícios realizados de maneira intervalada com consumo de oxigênio perto do máximo (Sprints) ou treinamento de força com prioridade no peso em detrimento das repetições (90-100%1RM) são mais eficientes para aumentar o EPOC e taxa metabólica basal, além de despender mais calorias durante a sessão de treinamento em menor tempo e também de proporcionar maior liberação de hormônios lipolíticos como o GH, permitindo a metabolização de gordura mesmo após o final da sessão de treino. Sendo assim, em períodos específicos, quando todas as necessidades básicas para a metabolização de gordura e estruturais de força já foram contempladas, a intensidade se mostra mais eficiente que o volume para redução de gordura e peso corporal. Mas, o que vemos hoje são indivíduos iniciantes ou não praticantes de exercício físico realizando de maneira esporádica esse tipo de treinamento, sem nenhuma orientação quanto à intensidade de treino e período ideal para o treino HIIT. Portanto, cabe à um profissional de Educação Física a prescrição adequada de qualquer modelo de treinamento, pois só ele será capaz de conhecer as reais necessidades de aptidão física de cada indivíduo.

 



voltar